Mais um grandão pra ninguém ler

Ontem, já eram 1;30 da manhã quando cheguei cansado e bêbado em casa e eu só conseguia pensar em uma coisa: dormir feito uma pedra até a hora do trampo do culturagem!
Mas antes disso é preciso passar por outros árduos estágios, de praxe, tais como tomar banho, trocar de roupa, escovar os dentes, passar fio dental, aquela porra toda…

(…não sei porque comecei o texto de forma tão idiota e óbvia, mas vá lá. Não fiz faculdade porra…)

crud4.jpg

Continuedo…
Ao que eu chego à pia do banhero para escova os dente, reparo nuns pontinhos se movendo entre os pingos d´agua. 3 formiguinha brincavam na minha pia, felizes como num banho de cauxoera.
Na hora pensei; Orra, não quero estraga o praze de ninguém, mas aqui não é lugar pra isso… eu poderia abrir a torneira e manda-las ralo abaixo. Mas… mais eram 3 vidas ali. 3 vidas de meu Deus ali! Eu não ia gostar se estivesse numa cauxoera de boa, conversando com mais 2 truta meu, e dirrepente alguém me mandasse pro saco, sem mais nem menos. Achei meio pesado cometer um homicídio triplo ali. Se eu não tivesse reparado nelas, beleza, mas infelizmente eu as vi. Seria culposo.

Mas já estava cansadão, ta ligado? Queria escovar os dentes e cair no sono profundo e só acordar na hora do meu trampo de sábado. Tive que tomar uma iniciatirva; Abri a torneira devagar, espalhando a água lentoamente como uma forma de aviso de que era a MINHA vez de usar a MINHA pia e que se elas continuassem ali, iam toma um caldo bonito!

Enfim, duas delas entenderam o recado e logo foram subindo pra cima pela porcelana da pia ate que estivessem totalmente sãns e salvas de um possível afogamento ou coisa do parecida.

Mas sobrou uma.
Ela (ou ele) não subia mesmo quando eu deixava a água jorrar bem perto dela. Viada!
Olhei bem pra cara dela e disse:

– Escuta, tu quer morrer é?? Agora é a minha vez entendeu? Preciso escovar os dentes e dormir. Vaza filha da puta!

Mas nada! Eu ainda explicava pra “ela” que eu tinha de acordar cedo para fazer meu expediente de sábado pela manha. Ela não se mexia.
Não entendi se era retardada ou surda! Pensei em empurrar ela até em cima, mas achei que poderia machucar ou até matar ela do jeito que sou desastrado. Dei mais alguns minutos pra ela, enquanto ameaçava abrir a torneira no maximo e mandar ela pro caralho logo. A maldita ainda me ignorava.
Minha esposa, escutando a “conversa” lá do quarto, me mandava calar a boca e ir dormir, a patroa também tinha que trabalhar sábado pela manhã.

Dormi sem lavar o rosto e escovar os dentes.

Quando acordei noutro dia, vi que já estava atrasado e correndo para o banheiro fui lembrando de toda a historia retardada que passei por causa de uma mera formiguinha de merda e, já no banheiro, vi que a tal formiga ainda estava lá, no mesmo local. Achei estranho e olhei de perto. Aos cutucões pude ver que a danadasmilinguido____by_rafaelaslam.jpg estava morta.

Conclusões;

Passei a noite toda conversando com uma formiguia!

Passei a noite toda conversando com uma formiguia morta!

Passei a noite toda conversando com uma formiguia morta e deixei de escovar os dentes por causa dela!


Fora a bronca que tomei da muié e o atraso no trampo!

 

Homicídio triplo? Puts!

Colocaram alguma coisa na minha bebida, não é possível…
Ainda me junto aos Alcolico Anonimo

MAS a próxima formiga que se atrever a ficar entre o meu caminho ta fodida!

F-
O-
D-
I-
D-
A!

 

[Texto da historia contada hoje de manhã aqui no escritório do cultura de garagem pelo nosso amigo Valdemar]

Dito po Vinixious

Anúncios

3 comentários sobre “Mais um grandão pra ninguém ler

  1. Putz Viny!
    Perfeito….Homicidio triplo!
    Acabei de descobrir que sou uma assassina…
    Já cometi chacinnas contra formgas varias e varias vezes…tadinha…Hoje não vou dormir pensando nelas…

  2. Vou ser bem sincera…

    ODEIO FORMIGASSSSSSS !!!

    Pode ser rato,sapo,barata,mas FORMIGA NÃO !!!

    Deve ser algum trauma de infância que minah memoria seletiva bloqueou mas passou na minha reta tá morta.
    Queimar formigueiro então…é hobby !

    Maledetas !

  3. hoiauhiuahIUAHiuHAuiHAiuHiuhaiuhIAhiuahuaa

    eu ja matei varias de uma vez, mas matar formigas nao me faz ficar pensando que eu sou um assassino.

    Porem, quando um dia eu tentar matar um bicho pensando que era um besouro, eu percebi que era um vaga lume e eu fiquei mto triste, acho que foi um lapso emo na minha vida.

    Mas imagina… vc mata um bicho e quando chega perto pra ver o que é, ele pisca e apaga a luz lentamente até que morre!!!!!!!!!!
    comovente!

    vinixious, continua falando o que acontece no nosso QG que da varias historias.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s